ubli Link Patrocinados - Os cabos da internet também estão chegando ao limite | Clikei | links patrocinados | Anúncios Google

Os cabos da internet também estão chegando ao limite



chegando ao limite

Semana passada, noticiamos como a América do Norte está prestes a esgotar seu estoque de endereços IPv4. Agora, no entanto, estamos próximos de um outro limite, que pode afetar o mundo inteiro: os cabos.

Os cabos de fibra ótica que transmitem os dados da internet e direcionam tráfego têm limitações. Por décadas, pesquisadores amplificam o sinal que passa entre estes cabos para acompanhar o crescente tráfego da internet. Mas estes truques não funcionarão para sempre.

Se amplificarmos os sinais além do limite, as fibras se saturam e o sinal cai. E estamos muito próximos de atingir esse limite de capacidade, de acordo com pesquisadores reunidos em um encontro da Real Sociedade de Londres para o Melhoramento do Conhecimento Natural, em Londres.

“Você não pode ter capacidade infinita na fibra”, disse Andrew Ellis, na Universidade de Aston (Reino Unido), para a New Scientist. Inclusive, René-Jean Essiambre, especialista em comunicação, apresentou dados sugerindo que o atual limite de fibra ótica – cerca de 100 terabits por segundo de dados – pode ser alcançado dentro de cinco anos.

A iminente crise de capacidade é, sem muita surpresa, causada pelo rápido crescimento do consumo de mídia online, como Netflix e YouTube.

Isso significaria o começo do apocalipse internético? Um retorno lento e miserável aos barbáricos dias de internet discada? Esperamos que não: físicos e cientistas da computação já estão bem por dentro do problema.

Uma possível solução é dar mais energia aos cabos — que se dane a distorção de sinal! — e encontrar uma solução do outro lado. Engenheiros já investigam novas fibras que contêm múltiplos núcleos, capazes de transmitir quantidades maiores de dados.

Vamos cruzar os dedos para que alguém descubra como resolver este problema. Pessoalmente, acho que prefiro uma horda zumbi a um mundo com internet racionada.


Fonte: Global Marine Photos

 

Pesquisa Google

Carregando...